Serasa Experian é impedida de vender dados pessoais

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), através da sua Unidade Especial de Proteção de Dados e Inteligência Artificial, ajuizou Ação Civil Pública em desfavor da Serasa Experian com objetivo de “proteger as informações dos titulares de dados pessoais, cujos dados estão sendo comercializados e tratados indevidamente pela Serasa S.A.”.